21 de nov de 2013

Cada capa tem a perereca que merece

Vejam vocês o quanto é a nossa imprensa, aham, "progressista": enquanto todas as demais revistas semanais brasileiras falam do escândalo do mensalão e da prisão dos deputas mensaleiros na Papuda, a Corja Kapital, aquela revista que só existe graças às polpudas verbas estatais, vai lá e bota uma perereca na capa. Desde o ano passado que uma perereca na capa de uma revista não causa tanta polêmica.

4 de nov de 2013

Já é Natal na Leader Magazine (e também na Venezuela)

Bem, eu ia escrever nesse meu mais novo texto nesse louco Boteco sem Esquina sobre o novo candidato a mendigo milionário do pedaço, o Ai Que Batista - que dizem que tem que vender até a peruca pra poder pagar o que deve aos seus credores. Outra ideia bacana foi a do Rei do Camarote, uma mistura de Tiago Leifert com aquele cara das Casas Bahia (só que ainda mais boiola) que dá dicas espertas - muito embora ao contrário - pra se dar bem nas festchinhas pela noite. Mas o assunto deste comecinho de semana, que é pra começá-la lá em cima, é o Natal antecipado na Venezuela, o país que acabou de inventar a Micareta do Menino Jesus.
 
O sucessor do Huguinho Chapolim, Nicolás Maisduro, o Professor Girafales do Miraflores, mal esquentou a bunda na cadeira de presidente e já está aprontando das suas, como diria o Dirceu Rabelo nas chamadas da Sessão da Tarde. Primeiro, declarou a torto e a direito que viu o Chavito na forma de um passarinho e que fala com ele todo santo dia. Depois, criou o Vice-Ministério da Suprema Felicidade Geral do Povo e da Porra Toda (só a última parte é que é mentira; o resto é tudo verdade), que ninguém sabe pra que serve - parece até uma porrada de ministérios daqui do Brasil. Agora, tem a mais recente™: o Bigodón decidiu antecipar o Natal em território venezuelano para o mês de novembro.
 
Agora, gente, falando sério: o troço que o cara toma (e o Huguito certamente também tomou por anos) deve ser do bom, mesmo. Não demora muito e o sujeito vai botar a Páscoa pro mês de setembro. Os poderosões do pedaço despirocaram o cabeção e vão querer cercar todo o território venezuelano pra transformá-lo num gigantesco hospício, se bobear. Dizem que a próxima jogada do Maisduro será substituir o calendário gregoriano pelo bolivariano, que é pro Réveillon ser comemorado no dia do seu aniversário.